Informativo

Carta aberta dos docentes do DAH/UFV à comunidade universitária sobre o Período Especial de Outono

O colegiado do Departamento de Artes e Humanidades (DAH) deliberou coletivamente, em reunião realizada no dia 18 de maio de 2020, pelonão oferecimento de disciplinas no Período Especial de Outono (PEO). Reconhecemos a motivação da Administração Superior da UFV com relação ao oferecimento de disciplinas no PEO como forma de manter contato com os estudantes e de acolhê-losneste período de distanciamento social, porém entendemos que o momento exige maiores reflexões sobre as ações desafiadoras que começam a se impor.

Nosso posicionamento se baseia na compreensão de que:

– A decisão e os prazos sobre o oferecimento de disciplinas PEO nos foramcolocadosde modo urgente, entretanto, os desafios para oferecimento de tais disciplinas como atividades remotas/não presenciais são complexos e demandam diálogos mais aprofundados entre todos.

– A capacitação que nos foi ofertada, dadas as condições excepcionais em que nos encontramos, não é suficiente para o momento, assim como os recursos didáticos necessários para a boa condução de disciplinas não presenciais.

– As disciplinas não presenciais demandam outro modo de planejamento e outras metodologias para que sejam ofertadas de modo qualitativo. Há necessidade de mudanças mais complexas do que a simples transposição de conteúdos ofertados presencialmente para a modalidade não presencial. A adaptação requer ferramentas adequadas, materiais, formas de interação com os alunos, além de linguagem e estética diferentes daquelas utilizadas nas aulas presenciais.

– A realização de tais atividades em tempo tão reduzido implicaria em sobrecarga de tarefas para os docentes das disciplinas, que precisariam ministrar conteúdo regular semestral em tempo menor e replanejar seu modo de atuação, já que as disciplinas não foram pensadas para esta modalidade. Deve-se considerar ainda que atividades administrativas, de extensão, pesquisa, orientação, assim como atualizações continuam sendo efetuadas em trabalho remoto.

– Até a data em que o colegiado se reuniu e o prazo para manifestação de interesse dos docentes em ofertar disciplinas PEO (18/05/2020), não tínhamos nenhum conhecimento sobre a realização de diagnóstico para entendermos o real alcance dos estudantes às plataformas digitais ou a situação financeira e emocional dos mesmos.

– Consideramos que a educação pública deve garantir que todos alunos e professores tenham equidade no acesso às Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação, assim como ao conteúdo e ao material disponibilizado.

– Consideramos que, ainda que a matrícula nas disciplinas de PEO seja opcional, há estudantes que não terão condições sequer de optar e, neste sentido, serão excluídos do processo educacional.

– Entendemos que é imprescindível, antes de tomar qualquer decisão sobre atividades não presenciais, considerar as especificidades das disciplinas e da realidade de docentes e discentes, para que haja equidade no processo educacional.

– Após o prazo estabelecido pela PRE para manifestação de interesse por parte dos docentes para oferecimento de disciplinas do PEO, foi possível a realização de uma pesquisa, coordenada pela professora Laura Pronsato, com apoio do Centro Acadêmico do Curso de Dança CAArtes, na qual foi feito um levantamento sobre a situação dos estudantes do Departamento. Houve retorno de 70,68% do corpo discente, o que pode indicar que quase 30% dos estudantes do DAH estão sem acesso digital ou com grande dificuldade de acesso. Daqueles que responderam ao questionário, 24,4% estão com acesso restrito à internet e 37% se encontram com dificuldades na manutenção da renda familiar durante este período de isolamento social. Este último dado pode indicar ainda maior dificuldade de acesso digital no decorrer deste período.

Ressaltamos que o DAH não é contra a oferta de conteúdos didáticos com o uso de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação apropriadas, porém, nossos recursos, no momento, são limitados e não alcançam a todos. Portanto, não podemos transformar esta oferta em experimentações que conduzirão à queda na qualidade de ensino. Primamos por uma educação pública e universal, democrática e de qualidade. E, para tanto, precisamos de discussões maduras e de investimentos em formação dos próprios docentes, no sentido de pensar estratégias junto à UFV, que possam alcançar a todos os estudantes de forma equitativa e saudável, sem enfatizar as exclusões já conhecidas.

Viçosa, 26 de maio de 2020.

Atenciosamente,

Departamento de Artes e Humanidades


Endereço

 
UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA
Departamento de Artes e Humanidades
Avenida P.H. Rolfs S/Nº
Campus Universitário
Cep: 36570-900
Viçosa-MG
E-mail: dah@ufv.br
Telefones:
Secretaria: (31) 3612-7300 e (31) 3612-7301
Coordenação: (31) 3612-7303
Os telefones estão funcionando como WhatsApp.

© 2020 Universidade Federal de Viçosa - Todos os Direitos Reservados